4 técnicas de televendas que você precisa conhecer

Trabalhadores de call center pensando em técnicas de televendas

Quando o assunto é aprender melhores técnicas de televendas, algumas empresas que lidam com atendimento telefônico podem desanimar, achando que esse departamento está em queda no mercado.

Aliás, a primeira dica que você precisa ter em mente é esta: as tradicionais técnicas de televendas não são mais eficientes – mas isso não quer dizer que o jogo está perdido.

Saiba que mesmo em tempos tão digitais, nos quais o comportamento do consumidor mudou radicalmente nos últimos anos, dá para continuar vendendo por telefone.

Portanto, confira algumas técnicas de televendas para colocar em prática o quanto antes:

1. Entregue conteúdo para preparar seus futuros clientes

Este é o fato: os consumidores estão pesquisando antes de comprarem um produto ou serviço. Eles pesquisam muito no Google, no site da empresa, leem comentários e avaliações, pesquisam nas redes sociais até decidirem, enfim, pela compra.

Nesse caso, vale a pena adotar uma das principais técnicas de marketing digital como uma das técnicas de televendas: entregar conteúdo para essas pessoas.

Já que elas procuram na internet, a sua empresa precisa estar lá oferecendo a resposta para as dúvidas que elas digitam. Isso educa o mercado e posiciona o seu negócio como autoridade na área, atraindo mais clientes em potencial.

Mas onde divulgar esse conteúdo? Isso dependerá do comportamento do público que você quer atingir. Faça pesquisas para descobrir onde ele consome conteúdo e passe a divulgar (seja por e-mail, WhatsApp, nas redes sociais, no site da sua empresa, etc.). 

2. Colete dados sobre o futuro cliente ao entregar conteúdo para ele

Uma das técnicas de marketing de conteúdo que podem ser replicadas como técnicas de televendas é a coleta de dados para preparar a equipe para a ligação telefônica.

A ideia é criar conteúdos interessantes para atrair seus clientes (em forma de e-books, webinários, etc.), e, em troca desses materiais, coletar dados importantes sobre eles. Esses dados facilitarão a segmentar e a gerir todos esses leads (leads são potenciais clientes, que demonstram um certo interesse pela sua marca, mas ainda não compraram). 

Exemplos de dados a serem coletados:

  • Nome;
  • E-mail;
  • Telefone;
  • Área de atuação;
  • Interesses relacionados ao mercado em que você atua.

3. É hora da equipe de marketing enviar os dados à equipe de televendas

Você percebeu que até agora é a equipe de marketing que vem trabalhando para preparar potenciais clientes? Pois é isso mesmo. As técnicas de televendas mais eficazes são aquelas em que os dois setores atuam em conjunto.

A ligação é feita apenas se o cliente em potencial realmente estiver interessado, ou demonstrar um mínimo interesse em alguns casos, o que diminui o índice de rejeição nas ligações.

Na prática, vamos supor que um lead tenha baixado um material produzido pela sua empresa, e, em seguida, visitou o seu site para conhecer melhor os produtos e preços. Essa pode ser uma hora para que a equipe de televendas entre em ação em uma primeira ligação, pois a marca ainda está fresca na memória do possível cliente. 

Lá no final desse post, a gente vai colocar um link com mais detalhes sobre como identificar a hora certa da equipe de vendas fazer essa abordagem.

4. Utilizar um script também é uma das principais técnicas de televendas

O bom e conhecido script continua sendo uma das técnicas de televendas. Afinal, ele fornece segurança aos vendedores, já que eles têm em mãos um roteiro de argumentos para orientar durante a negociação.

É importante dizer que o script não deve engessar a equipe de televendas. Com os dados dos potenciais clientes em mãos, e de acordo com o fluir da conversa, eles precisam ser treinados o suficiente para saberem utilizar os argumentos certos de acordo com o que a pessoa está dizendo. A ligação sempre deve ser natural, e não robotizada. 

Saiba mais: Script por telefone – aprenda a montar o seu passo a passo.

Essas foram algumas técnicas de televendas que fogem ao padrão. Lembre-se: é preciso se adaptar aos novos tempos e tornar o atendimento telefônico da sua empresa o mais humanizado possível. E isso de fato ocorrerá se você conhecer a pessoa do outro lado da linha. Por isso é tão importante que marketing e vendas caminhem juntos em sua empresa. 

Para finalizar, conforme prometemos, vamos aprofundar esse assunto entendendo mais sobre a relação entre funil de vendas e ligação telefônica: afinal, qual é a hora certa da equipe de televendas abordar um potencial cliente?

Como funciona o Pabx virtual?
PABX: como funciona e tudo o que você precisa saber

Junte-se a mais de 5000 empresas e receba
nossas dicas exclusivas por e-mail.

Digite seu e-mail abaixo e receba gratuitamente nossas dicas e conteúdos.